Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec nec mauris interdum, suscipit turpis eget, porta velit. Praesent dignissim sollicitudin mauris a accumsan. Integer laoreet metus

Por: Cláudio Rocha Oliveira

 

Os primeiros cartões magnéticos do Vale Cultura serão distribuídos no começo de 2014. O anúncio foi feito durante a III Conferência Nacional de Cultura, realizada em Brasília. De acordo com o Ministério da Cultura, até outubro deste ano, 16 operadoras já haviam sido credenciadas; 1.050 empresas já haviam aderido ao programa; e 120 mil trabalhadores já foram contemplados, entre eles os bancários, que colocaram o Vale na convenção coletiva da categoria.

O Vale Cultura é um benefício previsto no Plano Nacional de Cultura, e visa contemplar 42 milhões de trabalhadores brasileiros até 2020. No valor de R$ 50 mensais, ele possibilitará ao trabalhador de carteira assinada e que recebe até cinco salários mínimos frequentar teatros, cinemas, museus, espetáculos, shows, circos ou até mesmo comprar ou alugar CDs, DVDs, livros, revistas e jornais.

Na III Conferência Nacional da Cultura, foi bastante discutida e ressaltada a necessidade de a iniciativa privada aderir ao Vale Cultura, já que, de acordo com dados do MinC e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, ainda é pequena a participação do trabalhador na fruição de bens culturais no país: apenas 14% dos brasileiros frequentam cinema; 92% nunca foram a museus; e apenas 7% já viram um exposição de arte.

Um grande estímulo para a adesão ao programa é que as empresas poderão abater o valor do benefício no Imposto de Renda. Desde 23 de setembro, elas já podem oferecer o Vale Cultura aos funcionários, bastando, para isso, indicar a operadora com a qual desejam trabalhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *