Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec nec mauris interdum, suscipit turpis eget, porta velit. Praesent dignissim sollicitudin mauris a accumsan. Integer laoreet metus

Entidade completa duas décadas com mais de 1,2 milhão de pessoas treinadas

O Senar Minas (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) comemorou 20 anos de criação com um grande evento dias 5 e 6 de junho, no Minascentro, em Belo Horizonte. No dia 5, foi entregue o Prêmio Destaques do Senar Minas. Criada em 2003, a premiação visa reconhecer e divulgar os benefícios de treinamentos e programas desenvolvidos nas comunidades e propriedades rurais. Foram premiados os melhores projetos, por Escritório Regional da entidade, nas categorias Entidade Cooperada, Mobilizador e Instrutor. 

No dia 6 de junho, foram ministradas palestras sobre o trabalho do Senar Minas, o futuro da formação profissional rural, as oportunidades e desafios da qualificação profissional rural, a mobilização e o mercado de trabalho e a gestão de pessoas. Também foram homenageados os mobilizadores, instrutores e entidades cooperadas que atuam junto à instituição desde sua criação. Participaram do evento cerca de 1,2 mil pessoas, entre dirigentes de entidades conveniadas ao Senar, instrutores e mobilizadores, além de lideranças rurais e empresariais.

Os motivos para comemorar duas décadas de trabalho não faltam. Em Minas, foram realizados nestes 20 anos 88.023 cursos, beneficiando 1,238 milhão de pessoas. “Procuramos atender aos anseios do mercado de trabalho”, ressalta o presidente do Sistema Faemg (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) e do Conselho Administrativo do Senar Minas, 

Roberto Simões. Para acompanhar o desenvolvimento do campo, revela o superintendente, Antônio do Carmo Neves, a entidade caminha rumo à formação de profissionais com maior capacidade de gestão.

O Senar foi instituído pela Constituição Federal de 1988, visando preencher a lacuna existente na área da capacitação profissional e promoção social no campo. Vinculado à CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), foi efetivamente criado em Minas em 7 de abril de 1993, integrando o Sistema Faemg.

Seus recursos vêm de contribuições do produtor e de empresas rurais. 

“O futuro da entidade é promissor, pois a educação é a chave-mestra do desenvolvimento de Minas e do Brasil”, salientam seus dirigentes.

Ações de destaques

Com cursos em cerca de 260 tipos de ocupações, o Senar Minas realiza os treinamentos em situações reais de trabalho, com a proposta de “aprender fazendo”. Na FPR (Formação Profissional Rural) são contempladas as áreas de Agricultura, Agroindústria, Aquicultura, Atividades de Apoio Agrossilvipastoris, Extrativismo, Prestação de Serviços, Pecuária e Silvicultura. Na PS (Promoção Social), oferece cursos nas áreas de Alimentação e Nutrição, Apoio às Comunidades Rurais, Artesanato, Organização Comunitária e Saúde.

Multiplicam-se pelo Estado casos de pessoas que tiveram aumento de renda, incremento da produtividade, melhoria da qualidade de vida e novas oportunidades no mercado de trabalho. Para o agronegócio, estes resultados traduzem-se em aumento da produção, abertura de mercados e fixação do homem no campo. Para a sociedade em geral, isso significa mais alimento, com mais qualidade e a preços mais baixos. O Prêmio Destaques do Senar Minas premia, justamente, projetos que promoveram transformações importantes pelo Estado.

Entre os vencedores, há projetos que levaram a melhorias na gestão da propriedade rural, transformando o produtor em empresário, e os que estimularam o associativismo, com o consequente fortalecimento da classe rural. Outros resultaram em aperfeiçoamento dos processos produtivos, através da capacitação da mão de obra. Há, ainda, projetos que abriram caminho para os treinandos do Senar Minas desenvolverem um novo negócio rural, com reflexos positivos para toda a comunidade envolvida.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *