Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec nec mauris interdum, suscipit turpis eget, porta velit. Praesent dignissim sollicitudin mauris a accumsan. Integer laoreet metus

Faemg lança projeto que leva startups ao campo

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Lançado no dia 30 de novembro,  o Novo Agro 4.0, um projeto do  Sistema Faemg que conectará os  produtores rurais com startups e universidades com o. Desenvolvido pelo INAES (Instituto Antonio Ernesto de Salvo), ligado à FAEMG, o Novo Agro 4.0 vai identificar e fomentar iniciativas que gerem tecnologias de ponta para o desenvolvimento do agronegócio.

“Estamos vivendo o marco de uma nova era do agronegócio”, disse o presidente do Sis-tema FAEMG, Roberto Simões.  Ele lembrou que o mundo vive desafios que precisam ser resolvi-dos, citando a fome e o desperdício de alimentos como uns dos mais graves: “Não conseguiremos sozinhos a solução para esses problemas. Precisamos contar com a tecnologia e com os jovens para criar um sistema novo, real, sustentável  e igualitário. Tenho certeza e convicção que isso vai adiante e que vai dar certo”.

O evento teve palestra do professor Pedro Guatimosim Vidigal, do Programa de Pós-Graduação em Inovação Tecnológica e da UFMG, que explicou como a tecnologia pode  aumentar a eficiência do agronegócio. 

Anúncio

Encerrando o evento, o presidente do INAES e diretor da Faemg, Breno Mesquita, reafirmou o compromisso do Sistema Faemg com um novo modelo de atuação e a determinação de aproximar o homem do campo de tecnologias para ser mais produtivo e obter maior ren-tabilidade. 

O QUE O  NOVO AGRO 4.0

O projeto vai identificar demandas  do produtor rural e buscar soluções para aumentar ganho de produtividade e competitividade. “As fazendas são um laboratório fértil de demandas para que as startups possam fornecer soluções  acessíveis e eficientes, principalmente para os pequenos e médios produtores rurais”, disse Breno Mesquita.

No começo do próximo ano, serão publicados editais e um comitê vai escolher as melhores propostas. Depois, especialistas visitarão propriedades rurais para  conhecer  diferentes realidades e aperfeiçoar os projetos. 

Perceiros do projeto: Sebrae, Fapemig, Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Fundep, Andrade Silva Advogados e Lemonade. O Novo Agro 4.0 já tem site e está nas redes sociais. 

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *