Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec nec mauris interdum, suscipit turpis eget, porta velit. Praesent dignissim sollicitudin mauris a accumsan. Integer laoreet metus

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) lança a publicação Contribuições Setoriais para Promoção de Alianças Público-Privadas para o Desenvolvimento, que sintetiza as modalidades de apoio oferecidas pelos departamentos do BID, seja por meio de assessoria específica ou instrumentos financeiros, para projetos que preveem alianças estre os setores público e privado, as chamadas APPDs.
 
O Banco reconhece o papel das APPDs para a superação dos desafios de desenvolvimento da América Latina e do Caribe como uma alternativa para o aumento dos investimentos em infraestrutura e modernização da atuação governamental na prestação de serviços, com sustentabilidade fiscal.
 
Entretanto, a complexidade característica das APPDs demanda uma abordagem multissetorial e interdisciplinar para que os diversos eixos temáticos e estratégias de intervenção possam convergir para programas integrados que permitam a implementação de políticas públicas mediante esta nova forma de atuar.
 
A publicação apresenta a maneira como o BID desenha estes programas integrados combinando assistência técnica, empréstimos e produtos não-financeiros, como estudos, pesquisas e avaliações, para apoiar na modernização da gestão nos três níveis de governo, no fomento da dinâmica econômica e na melhoria da qualidade de vida da população, em áreas como saúde, educação, saneamento, segurança, inovação, transportes, energia, meio ambiente, turismo, mudança climática, proteção social, mercado de trabalho, entre outras.
 
Alianças Público-Privadas para o Desenvolvimento (APPDs)
 
Considerando os objetivos do Banco de promover o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Caribe e com o entendimento que as APPDs são instrumentos importantes para a implantação de políticas públicas, a Representação do BID no Brasil criou um Comitê para promover o debate e a construção de conhecimento sobre o tema.
 
Composto por especialistas de todos os departamentos do Banco, o Comitê promove a interlocução com parceiros estratégicos que incluem representares do setor público nos três níveis de governo, setor privado, sociedade civil e academia. A partir desta interação, uma série de ações estratégicas tais como seminários, estudos, avaliações e assessorias específicas vêm sendo desenvolvidos a fim de contribuir para o fortalecimento das Alianças Público-Privadas para o Desenvolvimento no Brasil. Esta publicação é parte dos produtos de conhecimento da iniciativa.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *