Por: Inimá Rodrigues Souza   A estatística do consumo de vinho neste País tropical, safra após safra, patina, irremediavelmente, um pouco abaixo de meros dois litros per capita ano. E, olha que nesse volume estão computados, aproximadamente, 70% do vinho dito comum. Mas, por qual razão estacionamos aí se o consumidor brasileiro segue aprendendo a consumir…

Salve! O Mundo das Borbulhas

1 de janeiro de 2014 0

Por: Inimá Rodrigues Souza   Nesta fase do calendário somos levados, quase impulsivamente, para o mundo dos vinhos borbulhantes; aqueles vinhos que associamos às festas, casamentos, às comemorações natalinas, ao Ano Novo, verão, e por aí vai. São os espumantes. E nenhum outro vinho é mais apropriado do que o espumante para celebrar a alegria, o…

Por: Inimá Rodrigues Souza   O ano de 2008 já vai longe, mas, o fantasma do Lehman Brothers continua assustando o vinho da Europa. Percorrendo algumas regiões vinícolas no continente constata-se que os estragos causados pela falência do quarto maior banco americano, ainda, hoje, sacode o corpo do vinho europeu; sem trocadilho. O consumo – que…

Por: Inimá Rodrigues Souza   Há tempos, e por mais de uma vez, escrevi aqui sobre a importância dos supermercados na comercialização do vinho. Graças à multiplicidade de seus pontos de venda, montagem e/ou modernização de adegas, e, especialmente, treinamento de pessoal, entre outras iniciativas, os supermercados passaram a representar importantíssimos agentes na mudança da…

Reiterando sobre a carta

30 de abril de 2013 0

  É com insistência que a gente tem de falar sobre a carta de vinhos em restaurantes. Belo Horizonte está no roteiro privilegiado de grandes eventos mundiais que têm início já a partir dos próximos meses. Logo, não é necessário consultar uma bola de cristal para concluir que a cidade será um dos destinos de…

A Páscoa está aí, e, com ela, bacalhau, chocolate e, naturalmente, vinho. Com o bacalhau vale a regra básica que é combinar peixe com vinho branco. Então, quando o bacalhau é aquele prato deliciosamente mergulhado no azeite, substancioso, o parceiro é um branco encorpado, como Chardonnay, Viognier, Chablis Grand Cru, e mais outros. Outros vinhos…

Inimá Rodrigues Souza Dezembro é, por excelência, o mês dos espumantes. Afinal, para o período de grandes celebrações nenhum outro vinho é mais apropriado, nenhum outro é tão encantador. Onde houver festa, alegria, romantismo, comemorações, os espumantes são presenças obrigatória. A sua versatilidade com a comida, ou como elegante aperitivo, torna-os quase onipresentes em quaisquer…

Inimá Rodrigues Souza Chocolate na Páscoa é um moto continuo. Trocando em miúdos, chegou a Páscoa o chocolate fica irresistível, logo,está sempre presente. E quando o vinho é apresentado nessa relação suscita a questão: harmoniza ou não? Ora, chocolate, em algum tempo, andou no limbo do universo do vinho juntamente com outras conhecidas comidinhas,como amendoim,…

Inimá Rodrigues Souza A uva Sauvignon Blanc é, por títulos, e, sobretudo, por todos os méritos, a uva branca do verão. Alegre, festiva,vibrante, ela comporta os mais variados epítetos, desde que possam descrever os seus traços típicos que a distanciamde qualquer outra cepa branca, mundo a fora. Originária de Bordeaux, esse berço, no entanto, é…

Eis que é chegado o verão

2 de janeiro de 2012 0

Inimá Rodrigues Souza Vamos aos vinhos brancos, espumantes e rosados (ou roses), pois, ademais, somos um país tropical, e, assim, nada mais natural que fazer deles a preferência na hora de beber. E porque não? Com o clima tropical, este seria o comportamento óbvio, como, também, seria certo que a gastronomia contemplasse peixes, saladas, frutos…