Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Dificuldade de Moro e Doria para alavancar suas campanhas fica evidente ao avaliar decisão de voto: mais de 70% dos eleitores deles podem mudar escolha até a eleição

O resultado da pesquisa Genial/Quaest de fevereiro indica que, até este momento, a terceira via não decolou. Nem o ex-juiz Sérgio Moro nem o governador João Dória (SP) estão conseguindo arrebatar o voto dos eleitores que poderiam escolher um candidato que não fosse o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ou o atual presidente Jair Bolsonaro. Em diversos cenários, Moro se manteve entre 7% e 9% da preferência do eleitorado, mas o ex-governador Ciro Gomes voltou a encostar. Já Dória oscila entre 2% e 3%.

Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro a
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro

 

Quando os entrevistados são provocados a responder se não pretendem mais mudar sua escolha, a polarização fica ainda mais evidente. No total, 58% dos eleitores dizem que já têm candidato em definitivo, e 40% afirmam que ainda podem mudar de ideia. Entre os apoiadores de Bolsonaro, 65% dizem que é a escolha final, contra 35% que ainda não tem certeza. Entre os apoiadores de Lula, esse número é de 74% convictos e 25% que não se mostram tão certos.

Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro b
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro

 

Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro c
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro

Ao avaliar os candidatos da terceira via, o quadro é outro. Do total de eleitores de Dória, 73% podem ter outra opção – apenas 27% apoiam em definitivo o governador. Nos apoiadores de Moro, 30% seguem com ele e 70% ainda não estão fechados. E, no caso de Ciro, 43% já se decidiram e outros 53% afirmam que podem mudar.

Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro d
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro

Na pesquisa estimulada, em que os entrevistados são apresentados aos candidatos colocados até o momento, Lula varia de 45% a 47% e Bolsonaro, de 23% a 26%. Já na pesquisa espontânea, o número de indecisos passou de 52% para 48%, Lula chegou a 28% e Bolsonaro manteve 16%. A pesquisa Genial/Quaest fez duas mil entrevistas entre 3 e 6 de fevereiro e tem margem de erro de dois pontos percentuais.

Em relação à avaliação do governo, Bolsonaro continua com mais de 50% de rejeição — este mês, chegou a 51%, contra 50% de janeiro, mas dentro da margem de erro. Além disso, 80% dos brasileiros desaprovam a maneira como o presidente conduz o combate à inflação; 65% são críticos ao combate à violência; 63% reclamam do combate à pandemia; 62% consideram negativas as políticas de geração de empregos; e 61% consideram negativa a forma como Bolsonaro combate a corrupção. Para 35% dos entrevistados, o maior problema do país neste momento é a economia. Outros 27% dizem que é a saúde.

Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro f
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro

A Pesquisa Genial/Quaest, que trabalha com metodologia inédita de acompanhamento da opinião pública brasileira, começou em julho de 2021  e se estenderá até novembro de 2022. No total, serão 24 rodadas de pesquisa nacional, cada uma delas implicando em duas mil coletas domiciliares face a face, realizadas nas 27 unidades da federação, abrangendo 123 municípios.

A partir das entrevistas domiciliares, é feita a decupagem, análise e estratificação dos dados por sexo, idade, escolaridade, renda e População Economicamente Ativa (PEA).  A pesquisa também recebe tratamento estatístico de pós-estratificação para reduzir as chances de viés de seleção e de não-resposta. Trata-se do primeiro levantamento feito em âmbito nacional que combina coleta domiciliar com modelagem em pós-estratificação.

Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro g
Terceira via não decola e cenário da corrida presidencial mostra quadro polarizado entre Lula e Bolsonaro

O nível de confiança da pesquisa Genial/Quaest  é de 95%, com margem de erro máxima de 2%, para cima ou para baixo, em relação ao total da amostra.

A Genial é uma plataforma de investimentos que tem como objetivo facilitar o acesso ao mercado financeiro, oferecendo os melhores produtos do mercado. Sempre em busca de excelência e inovação, possui hoje mais de R$ 50 bilhões de ativos sob custódia, 450 mil clientes e mais de 20 anos de história. É uma plataforma que acredita em simplicidade e facilidade na hora de investir, por isso, é 100% digital, mas sempre humana.

A Quaest é uma empresa de inteligência de dados que alia rigor científico e tecnologia para gerar insights que levem os clientes a tomar decisões estratégicas informadas. Com 6 anos de experiência em campanhas políticas presidenciais, estaduais e municipais, reúne um time de doutores e mestres das mais diversas áreas do conhecimento. O fundador e presidente da Quaest é Felipe Nunes, Ph.D. em ciência política e mestre em estatística pela Universidade da Califórnia, Los Angeles (UCLA), professor da UFMG e presidente do Centro de Estudos Legislativos. Ele é o inventor do Índice de Popularidade Digital (IPD).

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades