Vinho, Gente, Coisas e Adjacências
Vinho, Gente, Coisas e Adjacências
Vinho, Gente, Coisas e Adjacências
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Vinho, Gente, Coisas e Adjacências

Inimá Souza*

*(inima.souza@gmail.com)

Sauvignon Blanc e o Verão

Considerando que, por aqui, Verão deveria ser sinônimo de vinho branco – e, sim, também do vinho rosado, pois, dotado de frescor, leve e boa acidez -, a uva insuperável para a Estação, é a deliciosa Sauvignon Blanc. Refrescante, de acidez vivaz, aromas fortes e característicos, com notas vegetais e cítricas, ela pode exibir esses atributos mesmo em vinhos mais simples.

Originária da França, no Vale do Loire ela reina nos vinhos de Sancerre e Pouilly-fumé, dos comuns aos mais complexos; em Bordeaux, que disputa com o Loire a primazia dessa uva, ela está nos vinhos de Pessac-Leognan e Graves, esta a mais importante região de brancos em Bordeaux.

Na Itália, a Sauvignon Blanc é cultivada no Friuli-Venezia Giulia e no Trentino-Alto Adige, e na Espanha produz vinhos em várias regiões. Segundo os mais destacados críticos, foi Nova Zelândia que, a partir de 1970, colocou a Sauvignon no mais elevado nível com seus vinhos da zona de Marlborough.

Outras regiões onde ela é cultivada: África do Sul, Austrália, Argentina, Estados Unidos, Romênia, Ucrânia. O Chile vem produzindo belos Sauvignon Blanc nas áreas mais frias, Maule, Rapel, Curicó e Casablanca.

O Brasil surpreende com Sauvignon produzidos na Serra Gaúcha e na Serra do Rio do Rastro, em Santa Catarina, vinhos com muita elegância aromática. O Sul de Minas é a grata surpresa com a uva revelando tudo o que a distingue; e, assim são seus vinhos.

Mercê de sua personalidade forte, o Sauvignon é excelente aperitivo para as nossas temperaturas; podendo ser servido com comidinhas, nos fins de tarde ou à beira da piscina.

À mesa, graças à sua destacada e bela acidez, o Sauvignon Blanc torna bem leve o mais gorduroso peixe, e é ótima companhia com carnes brancas e aves, algumas massas, saladas, além de variadas entradas. Sua riqueza aromática torna-o imbatível, com ervas frescas, a exemplo de hortelã, coentros, basílico e outros.

Nada melhor para o Verão. Quem o beber verá.

ENOTURISMO

A Primotur, no mercado, desde 1998, amplia sua atuação para o segmento do enoturismo contemplando roteiros os mais distinguidos e charmosos. Segundo a Agência, os programas, ainda neste semestre, incluem o encantador, Vale dos Vinhedos e as vinícolas do Sul de Minas.

Tim, tim.

*(inima.souza@gmail.com)

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades