Produção de café arábica com 104 milhões de sacas de 60 kg corresponde a 60% e de café robusta com 70,5 milhões de sacas a 40% do total global

A produção de café em nível mundial no ano cafeeiro 2018/2019 atingiu 174,5 milhões de sacas de 60 kg. Desse volume, o café da espécie arábica somou 104 milhões de sacas, o que corresponde a 60% desse total, e o café robusta 70,5 milhões que equivale a 40%. Esse volume total foi 9,8% superior à safra anterior (2017-2018), a qual foi de 158,9 milhões de sacas, sendo 94,5 milhões de sacas de café arábica e 64,4 milhões de sacas de robusta.

No mesmo contexto da produção global de café, se for estabelecido um ranking apenas dos três maiores produtores, verifica-se que o Brasil ocupou o primeiro lugar na produção, cuja safra totalizou 61,6 milhões de sacas e correspondeu a 35,3% da mundial. Em segundo lugar, destaca-se o Vietnã com 29 milhões de sacas de 60 kg, volume que representa 16,6% do que foi colhido no planeta e, em terceiro, a Colômbia que registrou 14,3 milhões de sacas colhidas e foi responsável por 8,2% da safra global. A fonte dos dados que permitiu realizar este estudo do panorama da produção cafeeira no mundo foi o Sumário Executivo do Café – Agosto de 2019 publicado pela Secretaria de Política Agrícola – SPA, do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – MAPA, o qual está disponível na íntegra no Observatório do Café do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café.

Leia esta ANÁLISE/divulgação na íntegra na página da Embrapa Café,  do Observatório do Café e do Consórcio Pesquisa Café.

Conheça também o Portfólio de tecnologias do Consórcio pelo link http://www.consorciopesquisacafe.com.br/index.php/publicacoes/637 e também acesse todas ANÁLISES e notícias da cafeicultura.