Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec nec mauris interdum, suscipit turpis eget, porta velit. Praesent dignissim sollicitudin mauris a accumsan. Integer laoreet metus

 

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Uma cultura de redução de custos, garantia de investimentos eficazes, gestão da flexibilidade e integração nas operações.

Esses são os principais desafios operacionais enfrentados pelas empresas de mineração em todo o mundo e que foram apurados em um levantamento feito pela KPMG Internacional.

O documento apontou ainda alguns parâmetros operacionais e no processo de arquitetura de mineração e indicadores de performance que precisam ser monitorados para maximizar o valor e minimizar eventuais riscos no negócio.

Anúncio

Um quadro detalhado com os principais desafios e as possíveis soluções foi feito com base em informações e experiências vividas nos últimos anos pelas empresas líderes em mineração no mundo. Segundo Pieter van Dijk, sócio da área de Consultoria em Gestão da KPMG no Brasil, o objetivo é mostrar a importância das atividades operacionais nas empresas deste segmento como forma de mantê-las numa posição estratégica no mercado e de se tornarem líderes em termos de lucratividade operacional.

“O ideal é que as empresas comecem a implantar as ações logo no início das suas atividades e, ao longo do tempo, incorporem tais características em sua organização, aplicando essas mudanças aos seus negócios de maneira integrada. O quadro de excelência coloca juntos todos os recursos necessários para assegurar que operação realizada seja bem- -sucedida”, afirma o executivo.

O levantamento Quadro Excelência Operacional em Mineração da KPMG (KPMG Mining Operational Excellence Framework) foi elaborado por um grupo global formado por especialistas no setor e pode ser encontrado em inglês no link: www.kpmginstitutes.com/global-energy-institute/insights/ 2011/pdf/optimization_mining_sector.pdf .

Sobre a KPMG

A KPMG é uma rede global de firmas independentes que prestam serviços profissionais de Audit, Tax e Advisory presente em 150 países, com 138.000 profissionais atuando em firmas-membro em todo o mundo. As firmas-membro da rede KPMG são independentes entre si e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Cada firma-membro é uma entidade legal independente e separada e descreve-se como tal.

No Brasil, a empresa tem aproximadamente 4 mil profissionais distribuídos em 21 cidades de 12 Estados e Distrito Federal.

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *