Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Publicação destaca a escola fundada em Belo Horizonte como a primeira de Negócios da América Latina pelo 14º ano consecutivo

A Fundação Dom Cabral acaba de ingressar na lista das Top10 melhores escolas de negócios do mundo e mantém-se, pela 14ª vez consecutiva, como a melhor escola de negócios da América Latina, segundo o ranking de educação executiva 2019 do jornal britânico Financial Times, divulgado nesta segunda-feira. A escola, fundada em 1976, em Belo Horizonte (MG), subiu dois pontos e alcançou o 10.º posto no ranking geral (que combina os resultados entre programas abertos e customizados) das melhores escolas de negócios do FT. O posto a distingue como a mais bem colocada do Brasil.

“É impactante alcançar uma posição tão destacada no mais importante ranking global de educação executiva, num momento em que o Brasil passa por significativas dificuldades econômicas. A FDC trabalha para ajudar seus clientes, indivíduos e organizações, a alcançar a excelência na gestão como para influenciá-los no sentido da construção de uma sociedade mais ética, próspera e equilibrada. Nossa posição no ranking parece confirmar que esta orientação tem uma ressonância cada vez maior nos nossos stakeholders”, afirma Aldemir Drummond, vice-presidente executivo da FDC. De acordo com Drummond, os resultados atestam a qualidade e a consistência do trabalho dos mais de 300 colaboradores da FDC.

Anúncio

Destaques A edição de 2019 marca uma substancial alta da FDC nas duas linhas: de programas elaborados de acordo com as necessidades específicas das empresas (programas customizados) e de programas abertos. No ranking de customizados, a FDC obteve a 8ª colocação, subindo seis pontos em comparação a 2017. Também avançou cinco pontos no ranking de programas abertos e ficou na 14ª posição, ante a 19ª no ano anterior.
Olhar com atenção os atributos da composição do ranking para os customizados revela nuances interessantes de aspectos da excelência da formação executiva. A FDC se destacou nos quesitos “desenho do programa” em que alcançou a 7ª posição; resultados alcançados, em que atingiu a 6.ª posição (em 2018 estava na 10ª melhor do mundo); “corpo docente”, melhorando cinco posições e assumindo a 7ª posição mundial; e “instalações”, quesito no qual a FDC subiu um ponto, pulando do 2ª para o primeiro lugar, tornando-se a melhor do mundo neste critério.
No ranking de Programas Abertos, os destaques ficaram por conta do desenho de programas – 6º lugar, seis pontos acima do ano passado – e em metodologias e materiais didáticos, cinco posições acima na comparação com 2018, agora no 6º lugar.

Os critérios para a elaboração do ranking do Financial Times levam em conta a opinião das empresas e participantes que são clientes das escolas de negócios no mundo todo, o que corresponde a 80% da avaliação; os 20% restantes são dados enviados pelas próprias instituições de ensino executivo.

Propósito e capilaridade internacional

A Fundação Dom Cabral é uma escola de negócios brasileira que há 42 anos tem a missão de contribuir para o desenvolvimento sustentável da sociedade, por meio da educação, capacitação e desenvolvimento de executivos, empresários e gestores públicos. Nasceu no coração de Minas Gerais, a partir de seu fundador, professor Emerson de Almeida. Eleita como a escola que tem as melhores instalações do mundo entre o ranking das customizadas, a FDC tem seu principal campus Aloysio Faria localizado em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte. Executivos que fazem imersões de estudos na escola contemplam um bucólico lago, pomar com frutas e pavões que passeiam no pátio. Também podem fazer experiências no primeiro laboratório de inteligência artificial construído dentro de uma escola.

A FDC tem ampliado sua atuação internacional e estimulado empresas e executivos a construírem propósito para a sociedade. Ela tem parceria com três das cinco melhores do mundo (IMD Business School, HEC Paris, e Insead). Circulam anualmente pelos seus programas abertos, fechados, de parcerias e de pós-graduação (especialização, MBA e mestrado) quase 30 mil executivos de empresas e organizações de pequeno, médio e grande porte do Brasil e de vários países, em suas unidades próprias em Nova Lima, Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ), e por meio de seus 25 associados regionais, presentes em quase todos os Estados do país.
No campo social, a FDC desenvolve iniciativas de desenvolvimento, capacitação e consolidação de projetos, líderes e organizações sociais, contribuindo para o fortalecimento e o alcance dos resultados pretendidos por essas entidades. Em 2019, foi selecionada como uma das 38 integrantes do PRME Champions 2018-2019. Esse seleto grupo representa 700 escolas signatárias do PRME, plataforma da ONU de engajamento voluntário que reúne instituições de ensino que se comprometem a trabalhar em consonância com a agenda de Desenvolvimento Sustentável.

Há um ano e meio, lançou o CEOs’ Legacy, uma iniciativa liderada pela FDC que reúne CEOs que buscam construir legados relevantes e sustentáveis capazes de inspirar pessoas, organizações e sociedade. Mais que ampliar a consciência dos líderes empresariais para essa causa, o CEOs’ Legacy mobiliza profissionais para expandir o seu poder de influência e atuar como agentes do progresso na construção de um mundo melhor. Recentemente lançou os programas Beyond, Transformação Digital; Odyssey – Para liderar em um mundo em transição; RH Triple A e Decisões Estratégicas em Finanças. FDC busca também apresentar as melhores soluções para grandes e médias organizações, com programas inovadores como o U-Lead e apresenta longa trajetória no setor público. Neste ano, lançou o Centro de Referência em Gestão Pública, para fortalecer os estudos na área.

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades