França multa Google por concorrência desleal no mercado de publicidade
França multa Google por concorrência desleal no mercado de publicidade
França multa Google por concorrência desleal no mercado de publicidade
Mercado Comum Publicação Nacional de Economia, Finanças e Negócios
Mercado Comum Publicação Nacional de Economia, Finanças e Negócios
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Num marco histórico que pode reequilibrar a relação entre gigantes de tecnologia e publishers de conteúdo digital, o Google foi multado na França no dia 7 de junho último em 220 milhões de euros, após uma investigação sobre prática de concorrência desleal no mercado de publicidade online. 

De acordo com a decisão das autoridades francesas de defesa da concorrência, o Google favoreceu de maneira injusta suas próprias ferramentas em relação às de rivais em operações de compra e venda de anúncios publicitários digitais. Segundo reportagem do The Guardian publicada nesta terça (8), é a primeira vez que o Google concorda em fazer mudanças em suas práticas como resultado de uma investigação no âmbito da defesa da concorrência.

“O Google usou seu modelo de negócios verticalmente integrado de exibição de anúncios para obter vantagem sobre outros competidores”, disse Isabelle de Silva, presidente do órgão francês de defesa da concorrência. “Esse caso pode servir de base para órgãos reguladores de outros países que estejam investigando o mercado de publicidade digital”, completou. 

Anúncio

Em um post em seu blog sobre o tema, o Google confirmou que fará mudanças no Ad Manager, sua plataforma destinada à gestão de publicidade online por empresas de notícias. Segundo as autoridades francesas, o Ad Manager compartilhava informações sobre preços de anúncios de rivais para obter vantagem sobre plataformas concorrentes.

“Entramos em acordo a respeito de um conjunto de compromisso para facilitar o uso pelos publishers de notícias de informações e a interação de nossas ferramentas com outras. (…) Vamos testar e desenvolver essas mudanças nos próximos meses, antes de implementá-las de forma mais intensa, algumas até globalmente”, diz o texto do Google. (Fonte: PortalImprensa – 08.06)

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades
Mercado Comum Publicação Nacional de Economia, Finanças e Negócios
Mercado Comum Publicação Nacional de Economia, Finanças e Negócios