Fiat encerra o primeiro semestre de 2022 na liderança do mercado brasileiro com quase 190 mil unidades vendidas
Fiat encerra o primeiro semestre de 2022 na liderança do mercado brasileiro com quase  190 mil unidades vendidas
Fiat encerra o primeiro semestre de 2022 na liderança do mercado brasileiro com quase 190 mil unidades vendidas
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

– Marca garante a medalha de ouro entre as picapes na primeira metade do ano

– Lançado há menos de um ano, Fiat Pulse já garante mais de 10% do segmento de SUVs, o maior do mercado

– Três modelos no top 10 dos primeiros seis meses do ano são Fiat

– Junho trouxe novidades para a marca, como os lançamentos do Fiat Scudo e do programa Fiat Professional, além da revelação do nome de seu SUV Coupé 

Demonstrando que veio mesmo para ficar no primeiro lugar do podium, a Fiat encerrou junho na liderança do mercado brasileiro assim como fez com todo o primeiro semestre do ano. No topo do ranking de vendas, a marca garantiu 21,9% de market share e mais de 187 mil emplacamentos de janeiro a junho. Vale ressaltar que neste primeiro semestre a Fiat liderou não só em vendas diretas, mas também no varejo, com 17,3% do mercado. No total, são 18 meses consecutivos na liderança, ou seja, um ano e meio sendo número um de vendas de automóveis no País.

O Fiat Pulse, lançado em outubro de 2021, é um dos principais destaques do semestre. O modelo ficou em evidência no competitivo segmento de SUVs, que atualmente é o maior do Brasil e representa 37% do mercado total. Em menos de um ano, o utilitário esportivo da marca já possui mais que 10% da categoria no semestre, com cerca de 25 mil unidades vendidas, e ainda garantiu o primeiro lugar entre os SUVs em abril.

A liderança absoluta em picapes é outro destaque da Fiat no primeiro semestre de 2022 com 51,9% desse mercado. Praticamente uma em cada duas vendidas é da marca, que se consolidou em primeiro lugar nos últimos anos em um segmento que vem crescendo. A Fiat Strada lidera o mercado brasileiro e latino-americano nos primeiros seis meses do ano e tem 93% de sua categoria, enquanto a Toro também traz ótimos números no segmento e é a primeira entre as picapes médias com 85% de market share.

No acumulado do ano, a marca também garantiu três modelos entre os 10 mais vendidos: Nova Strada, Mobi e Nova Toro. Vale destacar ainda que o Fiat 500e, lançado há pouco menos de um ano, já está em sétimo lugar entre os veículos 100% elétricos mais vendidos do Brasil.

Vale observar que a Fiat tem muitos motivos para celebrar ao fim da primeira metade do ano em que teve posição de grande evidência, mas que as principais novidades da marca no ano ainda estão para chegar e trazem expectativa de ótimos resultados. O segundo semestre trará, entre outras atrações, o início das vendas do Fiat Scudo, além do grande lançamento que todos esperam: o Fiat Fastback, SUV coupé da marca.

Novidades e números de junho

Em junho, a marca alcançou 21% da fatia do mercado, com 34.862 unidades vendidas. Além disso, a Nova Strada segue sendo o veículo mais vendido do mercado nacional com 9.840 unidades no sexto mês do ano. A Fiat ainda colocou mais dois modelos no top 10 do mês, sendo o Cronos em sexto lugar com 6.048 unidades vendidas, o Pulse em décimo com 4.839 veículos comercializados.

O sexto mês do ano ainda trouxe novidades para a marca. Um novo integrante chegou na família Fiat: o Scudo, furgão médio que atende às mais variadas necessidades com vocação tipicamente urbana e que traz versão 100% elétrica, além da com motor turbodiesel. Totalmente pensado para a rentabilização do negócio de quem compra, o Novo Fiat Scudo chegará às concessionárias em agosto. E por falar em rede, também foi lançado o Fiat Professional, programa de produtos, serviços e soluções para clientes profissionais da marca que deve estar disponível em mais de 200 concessionárias em todo o país a partir de 1° de agosto.

Em junho também houve a revelação do nome do SUV Coupé da Fiat: o Fastback, que representa mais um marco importante na consolidação do reposicionamento da marca. Por fim, a Fiat Fiorino recebeu pelo sexto ano consecutivo na categoria “Furgoneta de Carga” a premiação Selo Maior Valor de Revenda – Veículos Comerciais, organizada pela Agência AutoInforme, Editora Frota e Textofinal.

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades