Ranking da Open Startups elenca as 50 companhias que mais se relacionaram com setor.

O BMG foi a grande empresa brasileira que mais negociou e fechou contratos com startups no último ano, de acordo com ranking da Open Startups, um dos mais importantes do segmento. A premiação reconhece o trabalho realizado pelo Grupo BMG, por meio da importante atuação do BMG UpTech, corporate venture criada há três anos e que nasceu com a missão de ser um elo entre boas ideias e o mercado.  

A estratégia do BMG de investir em inovação coloca o Grupo no mesmo patamar de grandes marcas nacionais e internacionais . “Para nós, o prêmio significa o reconhecimento pelos investimentos que fizemos  por meio do BMG Uptech e em parceria com a Bossa Nova Investimentos. É gratificante saber de que estamos no caminho certo, à frente de grandes marcas reconhecidas no ecossitema de inovação e com histórico de investimentos”, destaca o vice-presidente do grupo BMG, Eduardo Dominicale.

Nesses três anos de atuação, o BMG Uptech selecionou e investiu em mais de 70 startups, com aporte financeiro direto ou por meio de programas como Fiemg Lab,  Startups Connected, Lemonade e o Conecta, desenvolvido em parceria com a Confederação Nacional do Transporte (CNT). Juntamente com Bossa Nova Investimentos, da qual o BMG UpTech se tornou sócio em 2017, também investiu em mais de 400 startups no Brasil e Estados Unidos.    

Na premiação, o BMG ficou em primeiro lugar no top 50 Open Corps das 100 Open Startups. O ranking de grandes companhias leva em conta apenas empresas com mais de 100 funcionários ou faturamento superior a R$ 100 milhões no exercício de 2019. “A oportunidade de estar sempre conversando, interagindo e negociando com as startups, oxigena o ambiente de uma grande corporação. Nestes 3 anos, aprendemos como extrair o melhor da interação entre startups e grandes empresas, gerando ganhos expressivos para ambos”, destaca Rodolfo Santos, CEO do BMG UPTech. “Sempre reforço que não chegamos apenas como financiadores das startups. Somos realmente parceiros dos empreendedores, investimos em seus projetos para que consigam se desenvolver e se consolidar. Isso faz diferença”, completa.

Simplifica fretes

O reconhecimento ao Grupo BMG se deu em dose dupla. Entre as Top 10 startups mais atraentes de 2019 está a Simplifica Fretes, investida pelo BMG Uptech. A Simplifica Frete concorreu com 8.600 startups inscritas e ficou em 9º lugar entre as 100 Open Startups e em 1º lugar Marketplace, validado pelas grandes corporações.

Localizada em Varginha, no Sul de Minas, a empresa fornece soluções tecnológicas para o setor logístico aduaneiro. Eduardo Labre, um dos três sócios da startup, explica que é disponibilizado um mecanismo de busca que auxilia as empresas nas cotações e contratações de  frete rodoviário entre Porto, Aeroporto, Porto Seco e as Indústrias (importação e exportação), proporcionando agilidade e segurança nas operações, e economia em recursos tanto para as empresas (embarcadores) como para as Transportadoras.

“Todo esse reconhecimento é reflexo do nosso empenho, trabalho e dedicação ao logo desses anos. Ficamos extremamente felizes em saber que nossa solução tem cada vez mais valor para o setor logístico aduaneiro. Com este resultado passamos a ter mais visibilidade no mercado, o que nos traz maior credibilidade e nos consolida cada vez mais no mercado corporativo e nos torna referencia quando o assunto se tratar de logística aduaneira”, comemora  Labre.