Bem Brasil Alimentos bons momentos
Bem Brasil Alimentos bons momentos
Bem Brasil Alimentos bons momentos
Bem Brasil
Bem Brasil
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Bem Brasil

Categoria Liderança – Batata Industrializada/MG 29,1% das respostas válidas

Perto de completar 15 anos de atividades, a Bem Brasil tem muitos motivos para comemorar. Além de ser, de longe, a batata frita preferida pelo mercado nacional, a empresa mineira se prepara para mais um salto: a construção da sua terceira fábrica, localizada no município de Perdizes, no Triângulo Mineiro. A previsão é de que a nova planta esteja em pleno funcionamento no primeiro semestre de 2022, o que possibilitará dobrar a atual capacidade produtiva de 250 mil toneladas ao ano para mais de 500 mil. O projeto faz parte do plano estratégico de crescimento sustentável, que envolve também a ampliação das boas práticas de responsabilidade socioambiental.

Anúncio

O aporte na expansão deverá atingir os R$ 700 milhões, levando-se em conta o aumento da estrutura de suporte, de armazenagem, área de estocagem, entre outros aspectos necessários para suportar o crescimento da indústria. Atualmente, a marca é líder isolada em vendas de batata pré-frita congelada no país e ainda apresenta o maior índice da categoria em frequência de compras nos supermercados. Desempenho que é fruto de um planejamento robusto e bem estruturado para ampliar a visibilidade e a presença nas mesas dos consumidores.

Por isso, os investimentos em inovações que possam satisfazer as demandas dos clientes por alimentos práticos e de altíssima qualidade e sabor também seguem em alta. Tanto na indústria quanto no campo, uma vez que um dos motivos do sucesso da companhia é manter um cuidado diferenciado com sua principal matéria-prima, com amplo controle de todo o processo produtivo, desde o plantio das batatas até a entrega aos pontos de venda.

Todas as ações são amparadas pelas boas práticas aplicadas ao processo produtivo, que já rendem reconhecimentos e premiações. Um exemplo é a conquista, neste ano, do Selo Mais Integridade 2020/21. A certificação é conferida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), às corporações e às cooperativas do agronegócio que cumprem as avaliações de conduta ética na gestão, de boas práticas de sustentabilidade ambiental e de responsabilidade social.

As duas fábricas da companhia são certificadas com o FSSC 22000, o principal atestado internacional em segurança de alimentos. Além disso, em 2020, foram três importantes prêmios nacionais para a gestão de pessoas. Dois deles conduzidos pela revista Você S/A, em parceria com a Fundação Instituto Administração (FIA): Melhores Empresas para Trabalhar e Melhores Empresas para Começar a Carreira. O outro foi o primeiro lugar no ranking das Melhores em Gestão de Pessoas (categoria 501 a 1.000 funcionários), do Valor Econômico, com apoio da Mercer Marsh.

Raízes – Assim como sua principal matéria-prima, as raízes da Bem Brasil cresceram em solo brasileiro, ainda nos idos de 1940. Naquela época, a família Rocheto deu início a uma atividade pioneira no país: o cultivo de batatas selecionadas, no município de Araxá, no Triângulo Mineiro. O produto era plantado na fazenda e, posteriormente, comercializado nas centrais de abastecimento. Décadas depois, já nos anos 90, com a modernização do mercado de trabalho e a busca dos consumidores por mais praticidade, os empreendedores da família, essencialmente inovadora, perceberam a oportunidade de iniciar a industrialização. Começava, assim, a trajetória de sucesso da empresa.

A fábrica foi inaugurada apenas em dezembro de 2006, após muitos estudos de viabilidade econômica e pesquisas de mercado. O grande desafio foi concorrer com grandes marcas mundiais – a batata processada era exportada da Europa e Estados Unidos para o Brasil – e atender à emergente demanda brasileira.

A partir daí, com a primeira planta 100% nacional, que aliou a ousadia, o pioneirismo e a experiência de décadas da família no setor produtivo agrícola a um produto industrializado de altíssima qualidade, a Bem Brasil não parou mais de crescer e ainda gerar benefícios à economia local. Hoje, a empresa conta com duas unidades fabris: a de Araxá e a outra no município vizinho de Perdizes, inaugurada em 2017. O mix atual é superior a 20 itens – entre os quais estão anéis de cebola, mandioca, polenta e mais de 10 formatos de batata – voltados para o varejo, food service e fast food.

Bem Brasil investe em ampliação da armazenagem e novos equipamentos
Bem Brasil investe em ampliação da armazenagem e novos equipamentos

Bem Brasil investe em ampliação da armazenagem e novos equipamentos

Aporte para construção da nova câmara de congelamento e aumento da capacidade da usina termoelétrica fazem parte do plano de crescimento sustentável da empresa

A Bem Brasil Alimentos dá mais um importante passo para levar adiante o seu plano de expansão, que vai dobrar a atual capacidade produtiva até meados do próximo ano. A empresa ampliará seu armazém, no município de Perdizes, no Triângulo Mineiro, por meio da construção de uma nova câmara de congelamento automático. Além disso, com o objetivo de duplicar a potência de uma das suas usinas termoelétricas, adquiriu um pacote de equipamentos, que acabam de chegar à unidade.

Os investimentos fazem parte do aporte total, da ordem de R$ 700 milhões, que inclui a implantação da terceira fábrica em Minas Gerais – em obras – e o aumento da estrutura de suporte, de armazenagem, área de estocagem, entre outros aspectos necessários para suportar o crescimento da companhia. Atualmente, a Bem Brasil é líder em vendas de batata pré-frita congelada no país, com 40% do mercado, e projeta ampliar essa fatia nos próximos anos. Após a conclusão das ações, especialmente com a nova planta em plena operação, será possível aumentar o volume de produção das atuais 250 mil toneladas do produto, ao ano, para cerca de 500 mil, além de diversificar ainda mais o mix.

De imediato, no entanto, os dois outros projetos em andamento já proporcionarão uma série de benefícios à empresa. Segundo o diretor operacional, Célio Zero, a expansão do armazém viabilizará vantagens logísticas, entre elas, agilizar os processos internos de expedição, otimizar a segurança dos alimentos no manuseio, proporcionar economia no consumo de energia elétrica e controle de estoque disponível de forma online. “A iniciativa nasce como resultado do crescimento, já que dobramos o volume de vendas nos últimos quatro anos, além das exigências da expansão prevista. Assim, é preciso adequar o espaço para abrigar matérias-primas e produtos acabados”, argumenta. A nova câmara será composta por dois corredores de 143 metros de comprimento e terá capacidade total de 30.000 ton.

Termoelétrica – A Bem Brasil também investe em uma solução completa para garantir a continuidade da geração de energia própria e, consequentemente, mais segurança na operação da planta e um peso menor do insumo na composição de custo do produto final. Para isso, foram comprados equipamentos, com vistas a dobrar a potência de uma das usinas termoelétricas, em Perdizes, como conjunto turbogerador, transformadores, retificadores, bancos de baterias, turbina a vapor, entre outros, entregues neste mês de abril. O material ainda é projetado para oferecer alta performance e mais eficiência nas diversas aplicações.

Fabricante 100% brasileira de batata pré-frita congelada e flocos desidratados de batata, a Bem Brasil foi fundada em dezembro de 2006, em Araxá, no Triângulo Mineiro. Pioneira na atividade, conta, atualmente, com duas unidades fabris na região: a de Araxá e a outra no município de Perdizes, inaugurada em 2017. Juntas, geram mais de 600 empregos diretos e de 2 mil indiretos. A companhia é líder em vendas de batatas pré-fritas congeladas no país, produzindo, por ano, mais de 250 mil toneladas de produtos. Além disso, seu mix contempla mais de 20 itens voltados para food service e varejo nacional.

Bem Brasil e o foco na gestão sustentável da água
Bem Brasil e o foco na gestão sustentável da água

Bem Brasil e o foco na gestão sustentável da água

Líder em vendas de batata pré-frita congelada no país, empresa reutiliza 90% do recurso hídrico absorvido em seus processos produtivos da unidade Perdizes

Instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Dia Mundial da Água, celebrado no dia 22 de março, tem o objetivo de reforçar a importância de se ampliar as ações para a preservação das fontes hídricas, essenciais à sobrevivência humana. Na Bem Brasil Alimentos, a preocupação com o tema está no DNA da empresa. Desde sua inauguração, o consumo consciente e a gestão sustentável desse recurso estão atrelados às práticas e à cultura organizacional. Tanto que a companhia reutiliza 90% da água absorvida no decantador do lavador, além de tratar os 10% restantes. E continua implementando iniciativas pioneiras para reduzir ainda mais os impactos ambientais do negócio.

Um dos destaques dessa atuação responsável é a Estação de Tratamento de Efluentes (ETE), grande desafio na época da inauguração da sua primeira fábrica, em 2006. O clima quente e úmido de Araxá, no Triângulo Mineiro, exigiu a criação de um método específico, único e, ao mesmo tempo sustentável, para realizar a limpeza físico-química e biológica dos resíduos gerados na linha de produção, antes de devolvê-los ao corpo hídrico, dentro de padrões estabelecidos pelo órgão ambiental. A unidade ainda conta com uma ETA – Estação de Tratamento de Água, que tem como principal objetivo garantir os padrões de potabilidade ao consumo humano.

Outra ação importante é a fertirrigação das lavouras, na planta de Perdizes, que aproveita os efluentes líquidos tratados e é considerado um dos métodos mais eficientes na utilização sustentável dos recursos hídricos e economia de água, prática associada à chamada “Economia Circular”. Além disso, dentro do próprio processo produtivo da companhia, há equipamentos que consomem menos as fontes naturais e possibilitam a recirculação em algumas fases. “A sustentabilidade nasceu com a empresa, antes mesmo de ser prática comum no mercado. Os investimentos e a busca por inovação no setor ambiental são permanentes e com resultados eficientes aqui. Aliás, acreditamos que, para crescermos e nos mantermos prósperos, é preciso respeitar todo o ecossistema”, ressalta a supervisora de Meio Ambiente da Bem Brasil, Érika Araújo.

30Novos projetos – Ela acrescenta que, atualmente, a companhia, líder em vendas de batata pré-frita congelada no país, implanta novos projetos estratégicos de gestão da água, incluindo a captação de chuva para destinar às áreas internas e à jardinagem. “Poderemos ter um reuso mais nobre, como com irrigação de plantas, limpeza de pisos, descargas de vasos sanitários, dentre outros. É uma iniciativa que compreende componentes nas várias etapas do processo: transporte da água da chuva através de tubos, filtragem e armazenamento em grandes tanques para reutilização ou recarga em grande escala”, explica.

Érika ressalta que a escassez da fonte hídrica afetaria, ao menos, dois terços da população mundial em 2050, segundo relatório da ONU. “Isso quer dizer que trabalho e dedicação na indústria alimentícia serão necessários para garantir a qualidade da água e a segurança alimentar”, conclui. A Bem Brasil também realiza treinamentos internos com os colaboradores – para consumo consciente do insumo nos nossos processos – e atividades de sensibilização e orientação da comunidade, especialmente escolas, sobre a utilização racional da água.

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades