ACMinas propõe acrescentar ao nome da Avenida do Contorno, de Belo Horizonte, a expressão “Presidente JK”
ACMinas propõe acrescentar ao nome da Avenida do Contorno, de Belo Horizonte, a expressão  “Presidente JK”
ACMinas propõe acrescentar ao nome da Avenida do Contorno, de Belo Horizonte, a expressão “Presidente JK”
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

O objetivo é homenagear o mineiro que foi prefeito de Belo Horizonte, idealizou e construiu o Conjunto Arquitetônico da Pampulha, governou Minas Gerais e chegou à Presidência do Brasil.

 

A Associação Comercial e Empresarial de Minas (ACMinas) propôs ao prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), em reunião no dia 15 de fevereiro último, que o nome da Avenida do Contorno seja alterado para “Avenida do Contorno Presidente JK”. A mudança, segundo o presidente da ACMinas, José Anchieta da Silva, é uma homenagem ao ex-presidente da República Juscelino Kubitschek, já que se trata da maior via pública da capital mineira, com 11,86 quilômetros de extensão.

 

Kalil considerou a sugestão “justa homenagem” e disse que vai encaminhar à Câmara Municipal de Belo Horizonte um projeto do Executivo para a aprovação da alteração no nome da avenida.

 

José Anchieta da Silva acrescentou que a ACMinas também vai apresentar a proposta para o Legislativo. “Vamos nos reunir com a presidente da Câmara Municipal, Nely Aquino (Podemos), para apresentar formalmente a carta de solicitação para um projeto de lei que altere o nome do contorno que é uma das vias mais importantes de Belo Horizonte”, explicou.

 

Na oportunidade, o prefeito foi agraciado com a coletânea de 3 volumes – 2.336 páginas, intitulada “Juscelino Kubitschek – Profeta do Desenvolvimento: Exemplos e Lições ao Brasil do Século XXI”, de autoria do economista e vice-presidente da ACMinas Carlos Alberto Teixeira de Oliveira, que também participou da reunião, juntamente com Cledorvino Belini.

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades