Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Segundo o estudo HTR realizado pelo Grupo Croma que analisou quais serão as tecnologias na jornada de compra dos clientes, esse tipo de comportamento de consumo tende a ser predominante no futuro

As compras via e-commerce com o recebimento em casa já são uma realidade no Brasil, com a popularização do comércio virtual. De acordo com a pesquisa High Tech Retail, nos próximos três anos, 73% dos shoppers brasileiros pretendem fazer as compras pela internet e 71% querem recebê-las na residência. A busca por benefícios como (84%) comodidade e (83%) economia de tempo no ambiente de compra tende a expandir outras modalidades como clique e retire na loja e jornadas que combinem experiência off-line e o on-line. Segundo o estudo 88% pretendem experimentar o produto na loja física, comprar on-line dentro da loja física e receber em casa.

“A criação de estratégias de omnichannel é fundamental para gerar experiência para os consumidores independentemente do canal. O shopper deve ser distinto de acordo com a necessidade do momento. Ele pode ser: o comprador loja física, o e-shopper, o showroomer ou o phygital dependendo da categoria e da ocasião de compra. No Brasil já temos bons exemplos de marcas que investiram no formato de integração de canais, além dos grandes nomes do varejo que estão expandindo suas soluções de entrega e retirada de produtos,” explica Edmar Bulla, CEO do Grupo Croma.
O levantamento foi realizado pelo Grupo Croma que ouviu 1.400 pessoas em todo o país para descobrir quais são as próximas tendências no comportamento de compra dos brasileiros. De acordo com o estudo, atualmente 43% dos entrevistados pesquisam os produtos on-line, mas acabam comprando no comércio físico e no futuro 46% pretendem pesquisar e comprar no ambiente virtual. “Apesar do crescimento de pesquisa e compra no on-line, ainda teremos consumidores que preferem pesquisar e comprar na loja física (11%). Os dados indicam que os modelos tradicionais de comércio ainda vão desempenhar um papel importante nos próximos anos, simbolizando a tradição e a garantia de experimentar, testar ou negociar produtos e serviços”, diz Bulla.

O High Tech Retail verificou que em intenção de uso 35% pretendem experimentar a modalidade escolher no site ou aplicativo, outra pessoa fazer a compra por mim na loja física e entregar a compra na minha casa e 18% pretendem usar muito. “Os dados explicam a popularização entre os consumidores de aplicativos de delivery que fazem todo tipo de entrega como supermercado, restaurantes, farmácia e até saques bancários”, conta Bulla. Outro formato que os shoppers pretendem experimentar nos próximos três anos é escolher no site ou aplicativo, receber em casa e devolver o que não quer com 40%.
“Isso vai demandar do varejo mais facilidade no processo de devolução de mercadorias e a expansão de outras soluções oferecendo um serviço rápido, de qualidade e que não gere mais transtornos. Tecnologias como a geolocalização contribuirão para isso, indicando ao shopper qual o ponto físico mais próximo onde ele poderá efetuar a troca ou qual a agência de postagem mais próxima para enviar a devolução. Outra forma é colocar no próprio aplicativo de compra instruções para devolução no momento da compra. Assim, o shopper se sentirá seguro ao fazer a compra porque sabe que existe um processo de devolução claro e estruturado sobre como proceder em caso de problemas. A embalagem de entrega conter instruções é um recurso também importante a ser explorado nos próximos anos”, finaliza o consultor.

SOBRE O GRUPO CROMA
O Grupo Croma possui três unidades que oferecem Consultoria (Croma Consulting), Pesquisa (Croma Insights) e Capacitação (Croma Knowledge) por meio de design de soluções com foco em inovação. Atua no Brasil, América Latina e Estados Unidos desde 2011. Os projetos são customizados de acordo com histórico de dados, cultura e necessidades de cada cliente, então robusto conhecimento técnico é aplicado, como design thinking, neurociência, semiótica, antropologia, big data etc. Entre seus clientes estão Via Varejo, Etna, Citrosuco, Heineken, Easy Taxi, Kroton, Supergasbras, BNP Paribas Cardif, Latam, Raízen, Mondelez, Cielo, PepsiCo, MasterCard, Netshoes, Coca-Cola, Natura, Whirlpool, GPA, Sanofi, Fiat, Petrobras, Camil, Claro, Carrefour, Britvic, Hershey’s, Philips, TIM, Icatu e Mitsubishi. Para mais informações acesse: cromasolutions.com.br

SOBRE EDMAR BULLA
Edmar Bulla é CEO e fundador do Grupo Croma, empresa que oferece design de soluções para inovação em negócios. Graduado pela ESPM, possui especialização em Marketing Digital em Harvard, além de formação em Música e Filosofia. Atuou em empresas como Nokia, PepsiCo e WPP, ocupando posições globais. Professor e palestrante em eventos no Brasil e exterior, recebeu prêmios durante sua carreira e é convidado para facilitar encontros de inovação, moderar debates em comitês executivos e processos de transformação cultural e digital em grandes empresas. Para mais informações acesse: cromasolutions.com.br

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades