62,5 milhões de brasileiros estão inadimplentes, aponta estudo
62,5 milhões de brasileiros estão inadimplentes, aponta estudo
62,5 milhões de brasileiros estão inadimplentes, aponta estudo
Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades

Como alternativa, startup israelense promove inclusão financeira com base em caráter pessoal

O Brasil tem cerca de 62,5 milhões de consumidores inadimplentes, de acordo com a última edição do Mapa da Inadimplência, divulgado pelo Serasa. O estudo abordou a situação dos brasileiros no mês de maio. O número divulgado é 0,7% menor do que o verificado no mês de abril, quando o indicador estava em 62,98 milhões. A quantia média de cada dívida atingiu a marca de R$ 1.162,43, superando o salário mínimo. Ainda segundo o Mapa, entre os brasileiros inadimplentes, cada um deve, em média, R$ 3.937,98. O maior volume de dívidas está na categoria bancos/cartão, representando 29,7% dos mais de R$ 211 milhões de débitos. Em seguida, estão as contas com luz, água e gás, com 22,3%. As compras no varejo representam 13% das dívidas dos brasileiros.

Procurando ajudar os brasileiros negativados a não serem excluídos do sistema financeiro, a startup israelense Innovative Assessments, presente em 15 bancos e fintechs do Brasil, aparece como uma alternativa. A IA oferece questionário psicométrico que permite incluir negativados e desbancarizados ao sistema de crédito do país, o Worthy Credit (“Digno de Crédito”, em tradução livre), que gera uma pontuação baseada na confiança através de dados que referendem a previsibilidade de inadimplências de empréstimos e pagamentos.

Anúncio

A ferramenta funciona como uma etapa adicional na análise de risco que pode garantir a sobrevivência e a recuperação financeira do endividado.“Por meio do Worthy Credit, é possível aumentar as aprovações de empréstimo entre candidatos sobre os quais não há muitos dados, e reduzir a inadimplência entre os riscos identificados. As pontuações de crédito atuais ignoram um fator chave da capacidade creditícia: o caráter pessoal”, explica Roey Shochat, CRO da IA.

Psicometria para crédito

A psicometria é uma forma científica e estruturada de medir as competências pessoais de um indivíduo, como disposições, atitudes, opiniões e habilidades. É um dos meios mais eficazes e eficientes de medir a personalidade, com a medição e previsão científica das atitudes e comportamentos dos indivíduos, considerando que todos são 100% pontuáveis.

“Quando falamos sobre a capacidade financeira de um solicitante de crédito, também precisamos considerar seus níveis de responsabilidade e confiança, por exemplo. São características que o Worthy Credit consegue identificar e agregar à análise dos cidadãos que não possuem pontuação ou foram rejeitados anteriormente pelo banco. No Brasil, existem muitas pessoas responsáveis que merecem crédito, e os credores agora podem atendê-los melhor”, pontua o PhD Dr. Saul Fine, CEO da IA.

A startup israelense disponibiliza a ferramenta em 19 idiomas, incluindo o português. Globalmente, já auxiliou mais de 1 milhão de solicitantes de crédito. Por meio da tecnologia de seus questionários, a empresa pode proporcionar oportunidades aos cidadãos desassistidos.

A Innovative Assessments é uma startup israelense fundada por Dr. Saul Fine, PhD em psicologia organizacional, que usa a ciência da psicometria para personalizar serviços financeiros e avaliar a credibilidade com base no caráter pessoal do cliente. O Worthy Credit, principal produto, auxilia credores a aprovar mais empréstimos e permite que mais pessoas obtenham crédito acessível. A ferramenta está presente em mais de 20 países, entre os principais bancos e fintechs, e já atua com mais de 1 milhão de usuários.

Mercado Comum Jornal on line BH Cultura Economia Política e Variedades