Debate Econômico

Comércio Exterior

15 Maio 2018

Minas Gerais marcou, em 2017, participação relativa de 8,88% na Corrente de Comércio Exterior brasileira.
 
Participando com 11,64% do total nacional, Minas Gerais contabilizou em 2017 exportações no valor de US$ 25,35 bilhões – 15,64% superior em relação ao ano anterior, mas bem menor em relação ao recorde verificado em 2011, de US$ 41,39 bilhões.
 
Detendo 4,87% do total nacional, Minas Gerais registrou em 2017, importações no valor de US$ 7,35 bilhões – 12,08% superior se comparado ao ano anterior – resultado esse que é também bem inferior ao recorde de US$ 13,03 bilhões - atingido em 2011.
 
O minério de ferro é o principal produto da pauta de exportação de Minas e representa cerca de 1/3 do total, seguido por café cru em grão, com 13,6% do total.
 
A China é o principal parceiro do Estado, participando com US$ 8,61 bilhões e 26,32% do total da Corrente de Comércio Exterior. Em seguindo estão Estados Unidos – US$ 3,21 bilhões e 9,81%; e Argentina, com US$ 2,20 bilhões e 6,74%, respectivamente.
 
“As exportações de Minas Gerais, em 2017, representaram 14,10% e as importações 4,09% do PIB estadual. Os produtos básicos responderam por 57,1% e os bens intermediários por 87,9% do total exportado.“
 

 

 

Siga o Mercado Comum