Destaques De acordo com a LCA – Consultores Econômicos, ―o destaque do relatório FOCUS desta semana fica novamente para a projeção do PIB em 2020. Houve mais uma redução (11ª seguida) da mediana de crescimento econômico em 2020; de -2,96% para retração ainda maior de -3,34% da atividade econômica.

Para 2021, o mercado também reduziu a projeção da mediana de crescimento de +3,10% para +3,00%. A projeção da taxa básica de juros em 2020 permaneceu inalterada em 3,00% a.a., enquanto a projeção para 2021 foi reduzida de 4,50% a.a. para 4,25% a.a. Os cortes na taxa básica de juros observados nas últimas semanas para 2020 e 2021 ocorrem na esteira de reduções das expectativas de inflação, de 2,19% para 2,10% em 2020 (considerando as atualizações feitas pelas instituições nos últimos 5 dias úteis), valor abaixo da meta estipulada pela CMN, e de 3,40% para 3,30% em 2021.

A projeção de câmbio permaneceu inalterada em 4,80 (reais por cada dólar) em 2020 e teve alta para 2021: de 4,50 para 4,55. Inflação A projeção para o IPCA de 2020 caiu de 2,19% para 2,10% (a 7ª semana de queda), e a projeção para 2021 caiu de 3,40% para 3,30% (a 3ª semana de queda). A projeção da LCA é de uma inflação em 2020 de 2,0% (-0,10 p.p. abaixo do mercado) e de 3,4% para 2021 (+0,10 p.p . acima do mercado). Atividade econômica A mediana das expectativas para o crescimento do PIB de 2020 caiu de -2,96% para -3,34% e para o PIB de 2021 caiu de 3,10% para 3,00%. A projeção da LCA para o Produto Interno Bruto é de -3,5% em 2020 (-0,16 p.p. abaixo do mercado) e de +3,5% em 2021 (+0,50 p.p . acima do mercado).